TEM MUITO OBA-OBA E POUCO OBAMA.

É contagiante e muito bem vindo o otimismo universal sobre a eleição do primeiro presidente negro da história Americana.

O novo presidente, obviamente, não tem culpa pelo déficit de mais de três trilhões e quinhentos bilhões de dólares mas vai administrá-lo e, com um secretariado de esmagadora maioria branca.

Maioria essa que resguardará com unhas e dentes os interesses dos grandes grupos multibilionários de especuladores americanos.

Esse déficit é na sua maioria oriundo por culpa de especuladores do mercado financeiro e por uma guerra absurda e imoral, a do Iraque, que ao custo de mais de um trilhão de dólares vitimou milhares de pessoas e, que mesmo com o presidente Obana, continuará a vitimar homens, mulheres e crianças inocentes.

Toda essa estúpida guerra, incluindo a da faixa de Gaza e do Afeganistão, são mantidas pela forte indústria bélica americana e pelo petróleo alheio.
.
Já os especuladores financeiros rezam na cartilha dos ganaciosos e amantes do lucro fácil e da venda de informações previlegiadas.

Não podemos, também, esquecer de que os EUA é uma nação que desrespeita os direitos humanos em todo o planeta e que, agora, reconhece, publicamente, que é uma nação adepta à prática da tortura. Ilude-se quem acreditar de que com um decreto presidencial essa desumana prática seja extinta.
.
Os EUA é a nação mais endividada do mundo, que imprime sua moeda sem lastro em ouro ou outro bem qualquer e, mesmo na crise, principalmente na crise, tem a sua moeda valorizada e uma inflação menor do que 4% ao ano.

Diante do exposto, fica difícil acreditar que o presidente Barak Obama, venha a concretizar não só o sonho americano, mas o sonho de todas as nações de brancos e de negros que almejam um mundo mais justo e igualitário para todos.

Mas a esperança, apesar das evidências, tem que continuar, afinal, é o que nos resta .
.
Eduardo Leite
TEM MUITO OBA-OBA E POUCO OBAMA. TEM MUITO OBA-OBA E POUCO OBAMA. Reviewed by Eduardo Leite on 3:22 PM Rating: 5

Um comentário:

CANTADOR disse...

Acho que a pedreira é dura. Mas a expectativa é muito maior que os problemas que Obama irá enfrentar.
Uma coisa a ser comemorada, é sem duvida a saida do tal BUSHA.
O resto é paciencia e vamos torcer para que ele arrume a casa que derrubada, jogaram nas costas dele.
Carlos Silva

Tecnologia do Blogger.