O DEDO PODRE DA SAÚDE PÚBLICA MUNICIPAL.




O Hospital Clériston Andrade é constantemente responsabilizado por prestar um péssimo atendimento. É verdade, o atendimento de modo geral no HCA deixa muito a desejar.

Esse importante hospital ao longo dos seus 23 anos de funcionamento foi usado como moeda política por muitos e como fonte de lucro por outros.
Na realidade não há uma política de saúde direcionada para evitar a doença, existe sim, uma política de saúde direcionada a indústria da doença. Indústria essa que faz o enriquecimento dos empresários da doença.

Os hospitais de emergência andam super lotados, com corredores transformados em enfermarias mal cheirosas e explícito desrespeito ao ser humano.
A causa desse mau atendimento é o resultado de uma ineficiente assistência médica pública básica, onde os postos de saúde, poli-clínicas e unidades saúde da família (PSF), funcionam de maneira ineficiente.
Essa é, infelizmente, a nossa realidade. Como bem exemplifica o caso desse dedo necrosado, cujo infeliz ex-dono, o teve perfurado por uma minúscula espícula de madeira cujo tratamento nas unidades básicas do município foi ineficiente, resultando, numa necessária amputação para preservar a vida desse infeliz pedreiro.

No HCA é essa a nossa rotina, fora os casos de verdadeira emergência, reparar e amenizar o sofrimento das pessoas que não conseguem ter uma assistência médica básica de boa qualidade nos postos de saúde do nosso município e das outras cidades que formam a macro região do sertão baiano.

Eduardo Leite
gastroajuda@hotmail.com
O DEDO PODRE DA SAÚDE PÚBLICA MUNICIPAL. O DEDO PODRE DA SAÚDE PÚBLICA MUNICIPAL. Reviewed by Eduardo Leite on 10:25 PM Rating: 5

2 comentários:

Carlos disse...

Parabéns DR. Eduardo pena que a Drª Denise não compactue com suas idéias por motivos escusos

Ana Clara disse...

Dr,meu nome é Ana Clara e sou estudante.Neste ano terei uma gincana escolar com o tema:saude publica... gostaria de ideias para abordar em peças de teatro,videos etc. Obrigada e parabéns pelo blog.

Tecnologia do Blogger.